RSS

Fim de festa



Terminaram as apresentações de Um Natal Original!


Foi um processo demorado e verdade seja dita houve dias em que não nos apetecia sair de casa para ir ensaiar. No entanto, saber que estavamos a trabalhar para proporcionar uma festa especial para os nossos filhos e para todas as crianças deu-nos alento.


Apesar de ser uma festa da Associação de Pais alegrou-nos poder contar com a participação do pessoal da escola. A educadora Luísa deu-nos a ideia para o espetáculo e facilitou o nosso trabalho de todas as formas que conseguiu. A educadora Anabela, além de ajudar na pintura dos cenários, ainda nos preparou um lanche especial quando nos juntámos num feriado de Dezembro. A professora Paula abriu-nos as portas, organizou horários, fez todo o trabalho invisível, que reconhecemos gratamente. As auxiliares da escola ajudaram-nos sempre com um sorriso. 


A todos os que participaram neste projeto, obrigada. Houve pais que gostariam de ter participado mas não tiveram disponibilidade para o fazer, outros que gostariam de ter participado mais. Acreditem que mesmo que não tenham podido participar de nenhuma forma, o fato de manifestarem interesse em fazê-lo e darem-nos força para fazermos nós, motivou-nos enormemente.

Uma das coisas que nos preocupavam inicialmente eram os cenários e adereços. Lembrámo-nos do Olivier Brotons, pelo trabalho que fez o ano passado para a exposição no dia do arraial. Disse-nos logo que estava disponível para integrar o projeto e fez um trabalho de conceção e execução que superou todas as nossas expetativas. Com o Olivier à frente de uma equipa motivada, tudo ficou pronto a horas.


Quando pensei integrar os fantoches lembrei-me que o António Procópio, professor de EVT, podia dar um contributo especial. E tinha razão. Fez-nos uns fantoches lindos que animaram o espetáculo, e apesar de não ter tempo para isso, ainda ficou a pintar cenários connosco.

E que dizer dos nossos actores? Foi muito bom trabalhar com este grupo. Amadores nas artes de palco, portaram-se como profissionais, comparecendo a ensaios, apoiando-se enquanto grupo, aceitando as críticas e confiando na encenadora de serviço, mesmo quando não estavam totalmente de acordo. Muito bom trabalho!

E nos dias em que a festa durou, a alegria de atuar para crianças e pais compensou bem o esforço. Divertimo-nos muito! Esperamos que todos se tenham divertido também.

Este projeto terminou. Que se sigam outros tão entusiasmantes!



Veja aqui algumas fotos da festa.








1 comentários:

Professor António Procópio disse...

Olá a todos.
O vosso teatro foi mágico. Porquê? Foi feito com o coração. Foi feito por pessoas apaixonadas, que acreditaram que trabalhando em conjunto, podiam construir algo de bom. Quando se trabalha assim, o resultado só pode ser fantástico. Foi um privilégio colaborar convosco. Como pai e como professor, defendo que a escola deve ser um lugar, onde se transformam sonhos em realidades, onde todos trabalham para um objetivo comum: Dar às nossas crianças a oportunidade de viver experiências enriquecedoras que os façam crescer e sorrir. Foi isso que aconteceu.
Obrigado e um Bom Ano a todos.

Enviar um comentário